Ler é Viver (Outras Vidas) - De 9 a 13 de maio de 2017

terça-feira, 9 de maio de 2017

Às maio 09, 2017 por Livros aOeste   Sem comentários

A primeira sessão do Festival Literário Livros a Oeste inteiramente dedicada ao público escolar aconteceu esta tarde, na Biblioteca Municipal da Lourinhã, com os Sombronautas. Este grupo de teatro infantil inspira-se no livro "A Grande Fábrica das Palavras", de Agnès de Lestrade, para explicar aos mais pequenos a importância das palavras. 

A história baseia-se na paixão de Filipe por Sara,num país onde as pessoas quase não falam. Neste estranho país, é preciso comprar e engolir as palavras para depois pronunciá-las. O pequeno Filipe precisa das palavras certas para abrir o seu coração a Sara, mas o que ele lhe quer dizer custa uma fortuna. 

Filipe não é rico, e tenta transmitir como pode todos os seus sentimentos. O seu rival, Óscar, é rico e consegue comprar todas as palavras. No final, os alunos acabaram por assimilar a grande lição desta história: o dinheiro não é tudo e as palavras são, absolutamente, preciosas.

A este teatro assistiram duas turmas do 3.º e 4.º anos do concelho da Lourinhã. A sessão começou às 14H30 e teve a duração aproximada de uma hora.

Amanhã o público escolar conta com a seguinte programação:

9h30 # Peça de Teatro “Mosca Fosca”
Dinamização: Teatro Infantil Sombronautas
Público-alvo: pré-escolar, 1.º 2 .º anos
Local: Biblioteca Municipal da Lourinhã

10h15 # Apresentação do livro “As Fabulosas Histórias da Tapada de Mafra”,
de Cristina Carvalho, com a presença da autora
Público-alvo: 5.º e 6.º anos da EB 2,3 da Lourinhã
Local: Auditório da Escola

10h30 # Apresentação dos livros “Grão de Café” + “Tomé Bombom”, de Olinda
Beja, com a presença da autora
Público-alvo: 3.º e 4.º anos
Local: Auditório do Centro Cultural Dr. Afonso Rodrigues Pereira

11h30 e 14h30 (2 sessões) # “A Grande Fábrica das Palavras”
Dinamização: Teatro Infantil Sombronautas
Público-alvo: 3º e 4º ano
Local: Biblioteca Municipal da Lourinhã

12h00 # Apresentação dos livros “Caderno de Memórias Coloniais” e “A Gorda”,
de Isabela Figueiredo, com a presença da autora
Dinamização: João Morales
Público-alvo: Alunos da Escola

0 comentários:

Enviar um comentário